Dynavision II (1989)

Dynavision II

Propaganda de um tempo em que em a Nintendo achava que no Brasil só tinha índios, Ayrton Senna e crise econômica.

Sem o menor interesse dos japoneses em entrar no país, os clones da Nintendo rolavam soltos e a pirataria dominava. Era um tal de Gradiente Phantom System, CCE Top Game,  CCE Turbo Game,  Milmar Hi-Top Game, Super Charger, etc, etc, etc …. e Dynavision.

Lembro vagamente que na época também tinha uma bizarrice chamado cartucho americano e japonês (um era 60 de pinos e o outro de 72 pinos).  Enfim, de qualquer forma esses videogames precários eram o “Playstation” da criançada daqueles tempos de 4 e 8 bits.

Uma curiosidade do anúncio é que a Dynacom utiliza sem nenhuma cerimônia a imagem de um Super Mário mal desenhado e também (acho) de um Donkey Kong. O texto ainda fala que o videogame ainda é totalmente compatível com o Nintendo. Que caras de pau…hehehe

Alguém teve um clone do Nintendinho de 8 bits? Alguém achava magnífico acessórios como pistola laser e óculos tridimensionais?

Publicado no gibi Magali número 11- Novembro de 1989- Preço da Edição: NCz$3,50

Anúncios

2 comentários sobre “Dynavision II (1989)

  1. Daniel Navarro Sonim setembro 27, 2012 / 5:11 pm

    Eu ainda tenho um Bit System. Fabricado pela Dismac, é um clone do console americano da Nintendo. Tem até uma tampa para “esconder” o cartucho, imitando um video-cassete.

  2. rotesil dezembro 22, 2014 / 11:47 am

    tenho um Top Game, que “pega” os dois cartuchos, 60 e 72 pinos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s