Jogo do Mico

Essa propaganda me trouxe memórias nostálgicas, da época que minha mãe me falava de um tal “jogo do mico” mas que eu nunca soube exatamente o que era. Pesquisando no Dr. Google, descobri que o jogo é o que hoje eu conheço como “jogo do burro”, onde o objetivo é formar pares (ou sequências) de cartas na sua mão. Cada participante passa uma de suas cartas ao outro para que consiga ir formando a tal sequência. O primeiro que conseguir deita as cartas na mesa discretamente, e os demais devem imediatamente fazer o mesmo. Quem baixa as cartas por último paga “mico”, ou é o “burro”.

OK, mas será que esse jogo era tão popular assim na década de 80 para inspirar um baralho com o mico? Note que é possível jogar “jogo do mico” e “jogo da memória”. Provavelmente as cartas não possuem números igual a um baralho normal (como é possível ver no baralho à direita) e ao invés de utilizá-los como referência, a referência passa a ser os personagens da turma do mico. Ao menos foi a conclusão que eu cheguei!

Outro detalhe: Note no rodapé que o jogo estava à venda nos “grandes magazines”. Se você lembrou de Mesbla e Mappin, está ficando velho… Digo…. São outras duas coisas nostálgicas que com certeza já fizeram parte de sua vida se você está ao menos na casa dos 30…

Publicado em Chico Bento 105 – Ed. Abril – Ago/1986 – Cz$ 3,50