Danoninho (1979)

danoninho Confesso que essa propaganda me deixou com vergonha alheia. Mas antes, a parte boa: Reparem que haviam disponíveis no mínimo 5 sabores de Danoninho: Morango, Abacaxi, Pera, Banana, Ameixa e “reticências” (dando a entender que ocasionalmente lançavam-se sabores novos).

Outra coisa que me dá saudade é a fórmula antiga do Danoninho. Não sei o porquê, mas toda vez que eu vejo escrito nos rótulos “nova fórmula” sinto que estão matando uma parte da minha infância. Não me recordo de NENHUMA ocasião onde eu tenha degustado um produto com “nova fórmula” e ter dito em seguida: “Uau, agora sim atingiram a perfeição.” Com o Danoninho não foi diferente.

Terceira curiosidade: Reparem a tabela nutricional. Me traz à mente o antigo jingle do comercial de televisão: “Lipídios, glicídeos, protídeos, cálcio, ferro, fósforo e Vitamina A. Me dá mais saúde, mais inteligência, me dá Danoninho, Danoninho já. Me dá.”  (http://youtu.be/8aQtO58JP_M)  Enquanto crianças, não sabíamos o que era nenhuma dessas coisas, mas já tínhamos a certeza que eram necessárias para ficar fortes e inteligentes. Campanha genial!

Agora… a parte da vergonha alheia. O incentivo das propagandas eram sempre para reaproveitar as embalagens de Danoninho. Existem algumas com instruções para se montar um foguete, uma caravela…. mas essa máscara de carnaval aqui está assustadora! Gente,  olhem a figura do canto inferior direito… É feio demais. Hehehe

Ah, outra observação: Com certeza a turma do politicamente correto também baniria, nos nossos dias, o incentivo para que a criança usasse tesoura com ponta e alfinete. Acho que até eu furaria meu dedo ao tentar fazer isso.

E então,  o que acham? Teriam coragem de usar “a fantasia mais gozada que a turma já viu?”

Publicado em Cebolinha n. 73 (Editora Abril), fevereiro de 1979 – Cr$ 9,00

Anúncios

4 comentários sobre “Danoninho (1979)

  1. Anôni M. O. janeiro 13, 2015 / 1:15 pm

    Não é só porque você não concorda com algo, que você tem que debochar de quem discorda, dizendo: “A turma do politicamente correto…”.

    Aliás, todo deboche é uma forma politicamente correta de insultar. Chame logo de “idiota” quem discorda de você, dará na mesma e você será mais sincero.

    • Flavinho Junior janeiro 13, 2015 / 3:28 pm

      Quem falou de concordar ou discordar? E muito menos debochar?

      Eu citei um FATO; de que hoje em dia jamais uma criança seria incentivada a usar tesoura com ponta ou alfinetes. E graças a quem? À turma do politicamente correto. Alguém foi responsável por erguer essa bandeira e mudar o foco das propagandas.

      Não disse se isso é bom ou ruim, mas citei que até eu correria o risco de furar o dedo.

      Não houve deboche muito menos insultos. Sinto dizer mas você entendeu tudo errado…

  2. Mariana F. janeiro 31, 2015 / 1:56 am

    Essa máscara é feia de doer,não usaria de jeito nenhum.
    O resto:mimimi da turma do politicamente correto querendo meter moral nos ‘incorretos’.

  3. Richard Persaud fevereiro 8, 2017 / 8:22 pm

    Vocês viram a variedade de sabores? Atualmente parece que só existe o sabor morango. Alguém lembra que o chocolate Sensação tinha os sabores uva, coco e limão? Hoje só restou morango. Parece com o que ocorre com os automóveis, que circulam aqui no Brasil só nas cores preto, prata e branco: o brasileiro ficou mais limitado e com a mente mais estreita.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s