Baton (1988)

baton
Bayon (1988)

Essa propaganda era daquelas que ocupavam o último quadrinho da página. Geralmente a historinha que possuía esse tipo de inserção tinham outros 3 no mesmo estilo, que somados, completavam uma página inteira.

Acho que era uma maneira de o anunciante pagar mais barato. Ao invés de uma página inteira, 4 anunciantes diferentes pagavam por uma tirinha.

Fato é: Alguém mais tem saudades do Baton antigo? Ou é exagero meu achar que todos os chocolates dos anos 80 eram melhores do que os de hoje?

Publicado em Mickey 470 – Ed. Abril – Novembro/1988 – Cz$ 290,00

Anúncios

Gibi do Homem de Ferro (1988)

homem_ferro
Minissérie do Homem de Ferro

Muito antes de Robert Downey Jr. dar vida ao Homem de Ferro no cinema, o Homem de Ferro já fazia sucesso nos gibis desde a década de 60.

Ele aparecia em gibis de heróis publicados pela Editora Ebal, depois passou pela Bloch, até que a Editora Abril resolveu fazer uma minissérie em 4 edições no ano de 1988. Por isso, podemos dizer que essa propaganda é muito rara, pois foi divulgada somente durante o mês que antecedeu o lançamento.

E hoje, 28 anos depois do lançamento dessa minissérie, você pode curtir aqui a chamada do “imbatível e devastador” Homem de Ferro. Ou vai dizer que você é #TeamCap?

Publicado em Almanaque Disney 200 – Janeiro/1988 – Cz$ 55,00

Almanaque Abril (1988)

Margarida 64 (1ªS)_QP_43
Almanaque Abril 89

O Grande Mestre! Um guerreiro! Um sobrevivente da guerra nuclear que a Internet causou com os livros e enciclopédias! Uma Wikipedia ambulante.

Todos esses adjetivos cabem bem para o Almanaque Abril, que foi publicado em forma de anuário de forma ininterrupta durante 40 anos. Mas é com pesar que comunicamos o falecimento desse guerreiro em 2016. A Editora Abril disse que vai deixar de publicar o Almanaque a partir do ano que vem.

Há inclusive abaixo-assinados virtuais para que a Editora repense essa decisão. Cá entre nós, eu duvido que ela volte atrás. Já acho um verdadeiro milagre que ele tenha durado tanto tempo.

Se você foi estudante nos anos 80, então sabia que ele não podia faltar na estante da sua sala! “O Grande Mestre” vai deixar saudades.

Publicado em Margarida 64 – Dezembro/1988 – Cz$ 230,00

Relógio M-Shock (1988)

Disney Especial Reedição 45 - Patópolis_QP_121
Relógio M-Shock

Se você acha que as propagandas da Polishop são persuavisas, com certeza elas copiaram a técnica da Sonora! Afinal, qual era o relógio da época que foi “desenvolvido por técnicos da NASA com materiais super resistentes à corrosão e ao desgaste, totalmente blindado?” E qual era o relógio cujo “mecanismo de terceira geração” não permitia erros de cronometragem? É praticamente um relógio atômico no seu braço! Em compensação, deixe cair no chão o seu Apple Watch pra você ver o que acontece. rsrs

Outro detalhe interessante: A Sonora se destacava nessa época por vender máquinas fotográficas “retornáveis.” O filme vinha embutido na máquina. Você enviava por correio a máquina, e eles devolviam para você as fotos reveladas, e outra máquina com outro filme de 20 fotos. O duro era ficar sem máquina fotográfica enquanto uma tinha sido enviada para revelar as fotos.

Por que estou falando isso? Repare que se você comprasse o relógio, ganhava uma máquina fotográfica! Bela maneira de atrair novos “assinantes” para o serviço.

Quanto custaria esse relógio se o anúncio fosse de hoje? Vamos às contas:

O gibi na época custava Cz$ 140,00 e o relógio Cz$ 1450,00 + Cz$ 250,00 de despesas de correio. O mesmo gibi hoje custa R$ 19,90. Regra de 3, noves fora, e chegamos a um valor de R$ 205,00 + R$ 35,00 de despesas de correio, totalizando R$ 240,00. E aí, vai encarar?

Ah, mais um detalhe: Pra vocês terem uma ideia de como era a inflação nessa época, em menos de 6 meses o preço passaria para R$ 480,00, e assim por diante….

Publicado em Disney Especial Reedição 45 – Abril/1988 – Cz$ 140,00

Revista Boa Forma (1988)

Disney Especial Reedição 45 - Patópolis_QP_002
Revista Boa Forma

A revista Boa Forma começou a ser publicada no ano de 1986 pela Editora Azul, que acabou sendo “absorvida” pela Editora Abril em 1997. Até hoje, a revista é publicada e é facilmente encontrada nas bancas. O difícil é encontrar as bancas! hahaha

O desafio está lançado a vocês, leitores! Quem é a moça da foto? É atriz? Temos curiosidade de saber. Já descobrimos o paradeiro de alguns modelos de propagandas postadas aqui, e agora queremos descobrir dessa também.

Quem ajudar a identificar vai ganhar uma caixa de chocolate da Turma da Mônica preto e branco (hummm…. saudades!)

Publicado em Disney Especial Reedição 45 – Abril/1988 – Cz$ 140,00

Xuxinha (1988)

Image

É como se ela estivesse o dia inteiro com você. (Ahhhhhh!!!)

Vou abrir meu coração pra vocês!
A Xuxa nunca me subiu e nem me desceu!
Sério mesmo!!
Xuxa e suas botas maiores que suas roupas, Eliana e seus dedinhos…Hunf!!
Pra mim apresentadora infantil “de verdade” era a Vovó Mafalda!!

Publicado em Revista da Xuxa 0 – Gratuita – 1988

Ducktales (1988)

Imagem

Aí veeeem um furacããooo…
(Não me desafiem a continuar! Sei essa de cor até hoje!!)

Eu gostava muito desse desenho (muito mesmo) que minha mãe me apelidou com o nome do mordomo do Tio Patinhas!
Quiz dessa propaganda = Alguém aí lembra o nome dele?!?!?

Publicado em Pato Donald 1819 – Cz$ 95,00 – Ago/88