Salgadinhos do Becão e Bicão (1994)

Senninha 3- abr 1994- Cr$= X5 ver tabela

Provavelmente ninguém se lembra desse salgadinho. Talvez um dos produtos mais obscuros da história.

Senna era o maior ídolo de país que acumulava derrotas diárias para a inflação, violência, política, gramados, cotidiano, etc, etc. Entre 1988 e 1991 era um esportista que parecia mais vencedor do que o próprio país que ele representava.

Em 1994, Senna assumia o cockpit da (aparentemente) imbatível Williams. O quarto título parecia uma barbada e em fevereiro do mesmo ano era lançado o gibi do Senninha. Uma nova “sennamania” estava no horizonte e seríamos felizes para sempre na Fórmula-1.

Infelizmente não foi nada disso que aconteceu. O gibi até que resistiu por mais alguns anos nas bancas de jornal, mas com a morte do piloto muitos negócios duraram pouco ou foram interrompidos.

Becão e Bicão eram os cachorros gêmeos do Senninha nos gibis e estrelaram este estranho salgadinho em formato de osso. Confesso que não faço a menor ideia do gosto que tinha.

Este produto ganha o prêmio de maior fracasso da Elma Chips? Coloco ele no pódio junto com Poffets (pipoca fria temperada) e o Pegaditos (formato de pegada de dinossauro(?!)).

Publicado em Senninha número 3- Abril de 1994- Preço da edição Cr$= X5 (preço tabelado devido a inflação galopante daqueles tempos. O preço de uma revistinha não podia ser igual durante todo o mês…hehehe)

Tazos (1997)

Tazos

Tazos, Zaps ou Caps  eram pequenos discos de plástico colecionáveis que eram oferecidos como brinde nos salgadinhos da Elma Chips ou nos chicletes Ping Pong… O que eu estou fazendo?! Com certeza, todos aqui sabem (e tem muitas histórias pra contar) muito bem o que um Tazo era!! Verdadeira febre na década de 90!  Só consigo imaginar o que os Tazos representaram para as vendas da Elma Chips!! Houveram diversos tipos, acessórios e coleções de Tazos aqui nessas terras. Respectivamente, tinha os tazos normais, os voadores, os masters… tinha o Tape Tazo, o Pega Tazo, o Porta Tazo… tinha do Looney Tunes, dos Animaniacs, do Máskara, do Pokémon… Participei ativamente do que chamo da 1º fase dos Tazos (seria a série do Looney Tunes). Lembro como eram os recreios e até o horário da saída do colégio. Só se via pequenos amontoados de alunos distribuídos, aquele silêncio que precede uma grande embate, a tensão no ar antes do arremesso que poderia tanto lhe garantir a grande vitória ou a mais amarga das derrotas (e bolsos mais leves na volta pra casa)!! E vocês? Quais eram as coleções que vocês tinham? Quantos amigos perdeu ou ganhou por conta dos combates? Quantas vezes foi pra casa a pé só pra economizar e comprar mais salgadinhos??

P.S = Na onda do sucesso do filme dos Vingadores, a Elma Chips está oferecendo novamente os Tazos em seus produtos (só que de maneira um pouquinho diferente. Agora eles são virtuais!!!)

Publicado em Mônica 124 – Abr/97 – R$ 2,00

Salgadinhos Elma Chips (1994)

Clássicos são clássicos para todo o sempre… amém!

Ruffles, Chips (batata lisa), Baconzitos, Doritos (queijo), Fandangos, Cheetos (com o ratinho antes do Chester Cheetah), Pegaditos (durou pouco, alguém se lembra?), Cebolitos, Zambinos, Stiksy e Pingo d’Ouro.

E o famoso slogan: É impossível comer um só

As crianças de 1994 é que eram felizes e não sabiam!

Gibi Senninha- número 1
Março de 1994